Nenhum Comentário

Confira os valores do seguro-desemprego 2017 atualizados

O mundo inteiro passa por uma situação delicada quando o assunto é a economia, e no Brasil não é diferente. Isso faz com que alguns trabalhadores fiquem apreensivos em relação ao recebimento dos seus benefícios – e se eles vão passar por algum processo de redução ou não.

Naturalmente, este temor acaba passando também por temas relacionados ao seguro-desemprego. Para esclarecer todas essas dúvidas, nós vamos apresentar neste texto os valores do seguro-desemprego 2017 atualizados.

Mas antes de conferir a tabela, é sempre bom ficar por dentro das novas regras que já começaram a valer para quem vai dar entrada no benefício.

Muitas dessas mudanças têm como principal objetivo acabar com eventuais fraudes e diminuir o rombo que assola as contas da Previdência. Confira os termos e veja o que está valendo para 2017.

Mudanças para o seguro-desemprego 2017

O Governo vem inserindo diversas mudanças a fim de amenizar os efeitos da crise no cenário econômico do Brasil. Desta maneira, os novos recursos solicitados precisam levar em consideração alguns pontos, tais como:

1. É obrigatório que o profissional tenha trabalhado por no mínimo 12 meses consecutivos, ou seja, pessoas que tenham cumprido um prazo menor que este tempo mínimo não poderão receber o seguro-desemprego 2017 (no caso da primeira solicitação).

2. Para aqueles trabalhadores que estão fazendo a segunda solicitação do benefício, é obrigatório ter trabalhado por no mínimo 9 meses na mesma empresa.

3. No caso das demais solicitações (terceira, quarta, etc.), este tempo de trabalho deve ser de no mínimo 6 meses.… Clique aqui para ler o artigo completo

2 Comentários

Novas regras do seguro-desemprego 2017

O seguro-desemprego 2017 é um dos benefícios que mais ajuda o trabalhador em momentos de dificuldades, afinal, é com este recurso que muitos homens e mulheres conseguem se manter neste processo de transição entre um emprego e outro.

Porém, por conta de uma série de fatores, inclusive a má gestão que vem sendo constante há algum tempo, o governo se viu forçado a aplicar alguns ajustes importantes no que se refere ao pagamento das parcelas aos trabalhadores.

Diante de uma situação praticamente insustentável, foi necessário criar novas regras para o seguro-desemprego. Essas mudanças devem ser vistas com muita atenção e cuidado por todos que possam vir a utilizar o benefício em algum momento da vida.

Como funcionam as novas regras do seguro-desemprego 2017

regras-seguro-desemprego-2017

Os trabalhadores que forem dar entrada no seguro-desemprego 2017 precisam cumprir alguns requisitos considerados obrigatórios. De acordo com as novas regras, são eles:

  • Cumprir o período de 12 meses de trabalho com carteira assinada. Atualmente, os profissionais que possuem menos tempo de trabalho não poderão retirar o benefício.
  • Ter trabalhado por no mínimo nove meses na mesma empresa para quem for solicitar pela segunda vez.
  • Ter trabalhado por seis meses no caso da terceira solicitação do benefício.

Estes são os novos critérios básicos exigidos pelo governo que o trabalhador obrigatoriamente deverá cumprir para ter o direito a dar entrada no seguro-desemprego, no entanto, algumas antigas regras continuam valendo, como, por exemplo:

  • Ter sido desligado da empresa sem justa-causa.
  • Não receber nenhum outro benefício fornecido pelo governo.
  • Ter trabalhado por um período de pelo menos dois anos antes da segunda solicitação.
Clique aqui para ler o artigo completo