Como consultar o saldo do Seguro-Desemprego pela internet

Todo profissional que trabalha com carteira assinada e que tenha sido afastado das suas funções sem justa causa tem o direito de receber o Seguro Desemprego. Assegurado pelas leis trabalhistas brasileiras, o benefício é um recurso de grande utilidade para o trabalhador utilizar durante o período em que se desligou da empresa e está procurando uma recolocação no mercado.

Requisitos para receber

Via de regra, após ter a confirmação confirmada, o profissional quer consultar o saldo do Seguro Desemprego para saber o valor que terá a receber. Porém, para entender melhor como funciona a concessão do benefício, é preciso conhecer as mudanças promovidas pelo Ministério do Trabalho. Ou seja, para ter direito a receber esse dinheiro, o trabalhador precisa preencher alguns pré-requisitos obrigatórios.

O principal, e que não sofreu nenhum tipo de mudança, é que o empregado tenha sido demitido sem justa causa. Mas houve alterações fundamentais em relação ao tempo de trabalho e ao número de parcelas. Veja como ficou:

Tempo de trabalho

Como era antes: O trabalhador precisava ter pelo menos 6 meses de carteira assinada para receber o Seguro Desemprego.

Como é agora: O trabalhador precisa ter pelo menos 12 meses de carteira assinada para receber o benefício.

Número de parcelas

Como era antes: O trabalhador recebia 6 parcelas do seguro.

Como é agora: O trabalhador passou a receber 5 parcelas do seguro.

Saldo

saldo-seguro-desemprego

Se você foi demitido e quer descobrir quanto tem a receber, veja como você deve fazer a consulta do saldo do Seguro Desemprego pela internet.

Lembrete: tenha em mãos o número do PIS (Programa de Integração Social), ele pode ser encontrado tanto na carteira de trabalho como também no cartão cidadão.

1. Acesse o portal da Caixa Econômica Federal pelo endereço https://sisgr.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01;

2. Preencha os dados com o número do PIS e a sua senha on-line e clique em “Ok”;

saldo-seguro-desemprego-acesso

2. Caso ainda não tenha feito o cadastro da senha de internet, você precisa digitar o NIS e clicar  na opção “cadastrar senha”;

saldo-seguro-desemprego-cadastro-senha

3. Leia os termos de cadastramento e clique em “Aceito”;

saldo-seguro-desemprego-termos-senha

4. Agora você precisa digitar alguns dados solicitados pelo site. Após finalizar, clique em “Confirmar”;

saldo-seguro-desemprego-dados

5. Na próxima tela você precisa cadastrar uma senha que contenha 6 a 8 caracteres e clicar em “Confirmar”. A senha pode conter números e letras;

saldo-seguro-cadastro-senha

6. Se tudo der certo, você verá essa mensagem de confirmação;

saldo-seguro-desemprego-senha-sucesso

7. Agora você precisa voltar à tela inicial para acessar seu cadastro digitando o número do seu NIS e a senha que você registrou. Para avançar, clique em “Ok”;

saldo-seguro-desemprego-acesso

8. Você será redirecionado para a sua página pessoal que contém todas as informações relevantes sobre a vida profissional, como o FGTS, o PIS e o Seguro Desemprego.

saldo-seguro-desemprego-tela-inicial

9. Clique na opção “Seguro Desemprego” localizado no menu superior e em seguida clique em “Consulte seu benefício”;

saldo-seguro-desemprego-beneficio

10. Na próxima tela você terá acesso todas às informações do Seguro Desemprego, incluindo a consulta de parcelas e os valores que serão pagos.

Outras opções de consulta

Caixa Econômica Federal

Você também pode realizar a consulta do saldo do Seguro Desemprego em uma das agências da Caixa Econômica Federal. É preciso ter em mãos o cartão cidadão e a sua senha (que é a senha do cartão, e não a senha da internet).

Casas lotéricas

Outra opção é fazer a consulta em uma casa lotérica. Neste caso, é obrigatório informar o número do PIS para um dos funcionários, sendo preciso digitar a uma senha para que a solicitação seja atendida.

Essas foram as informações para você consultar o saldo do Seguro Desemprego pela internet. Se elas foram úteis para você, compartilhe com seus amigos no Facebook ou clique no botão “Curtir”. E caso tenha alguma dúvida, escreva sua pergunta na seção de comentários.

Categoria: Saldo Seguro Desemprego

Tags:,

- 29 de Fevereiro de 2016
O Desemprego Seguro é um site não-oficial e não possui qualquer vínculo com o Ministério do Trabalho e Emprego. A página tem como objetivo informar e esclarecer dúvidas sobre o Seguro Desemprego.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado / Campos obrigatórios *